POLITICA

Após repercussão negativa nas redes sociais deputados voltam atrás e pedem para assinar CPI da Energisa

11 Abr de 2019 do YacoNews

Após intenso apelo popular através das redes sociais, onde eleitores se revoltaram com os deputados que retiraram o nome do requerimento que pede a instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a Energisa, três parlamentares já voltaram atrás e aderiram ao requerimento dando assim o aval para que a comissão seja instalada na Assembleia Legislativa do Acre.

Em entrevista à imprensa na manhã de quinta-feira (11), o deputado Jenilson Leite (PCdoB) afirmou que foi procurado pelos deputados Cadmiel Bonfin (PSDB), Jonas Lima (PT) e Neném Almeida (PDT) que se comprometeram com a comissão.

“O deputado Cadmiel já assinou o requerimento, o deputado Jonas Lima que está doente me chamou na casa dele para assinar o documento e o deputado Neném Almeida também disse que vai assinar. A CPI está viva”, diz.

Segundo Jenilson Leite a comissão tem por objetivo investigar se a Energisa está cobrando as faturas de forma correta ou se os consumidores estão sendo lesados, além de analisar a prestação de serviço ofertado pela empresa.

“Precisamos saber se o ICMS esta sendo cobrado de forma correta, se estão cobrando pelo que o consumidor usa ou se estão cobrando de forma equivocada. Queremos também entender se as medições nos padrões estão corretas, porque há casos em que as residências ficam desocupadas, sem consumir a energia e o preço vem o mesmo”, diz.

Na sessão de quarta-feira (10) o líder do governo, Ghelen Diniz, articulou e vários deputados retiraram o nome do requerimento.



Por Gina Menezes do Folha do Acre

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.