Opinião

A CULPA É NOSSA!

27 Jan de 2019 do YacoNews

Sempre que ocorrem desastres como o de BRUMADINHO, nos questionamos e procuramos culpados ao efeito, na tentativa de transferir responsabilidades, e esquecemos que nós somos corresponsáveis na construção deste mundo. Essa construção inicia-se dentro da nossa casa: nas nossas escolhas, nas nossas ações, nas omissões, ambições e nas nossas renuncias.

Rui Barbosa (1849 – 1923) em algum momento afirmou: "A Família é a célula mater da sociedade", e de fato, é importante que absorvemos esta ideia, pois os vilões, heróis e personalidades deste mundo, foram diretamente influenciados pelo ambiente familiar ou pela falta deste. Se imaginarmos a família como a menor unidade estrutural organizada dentro de uma sociedade e evocarmos as aulas de biologia, que tratam a célula como a ​menor unidade estrutural e funcional básica do ser vivo, e consideram nosso organismo formado por mais de 10 trilhões de células, dimensionadas em estruturas 1000 vezes menor que 1 centímetro, é quase inacreditável que a mutação de apenas um dessas células cause tamanha desordem em todo o nosso organismo, com a presença do temido câncer.

Tão pequenino somos, em meio aos quase 8 bilhões de pessoas que habitam nosso planeta, essa desproporção nos dá a sensação de insignificância, mas tenha certeza, os valores que aplicamos em nossa casa, é o que está adoecendo, curando e moldando o nosso mundo. Um profissional que guardou o valor da honestidade, em momento algum, daria despacho favorável à algo que renderia bilhões em lucros e ao mesmo tempo colocasse em risco a vida de centenas de pessoas, desrespeitando todos os limites da natureza; os resíduos que descartamos a qualquer modo e em qualquer lugar, em determinado momento e em algum lugar, ele vai boiar e vai causar um dano ou um desastre, e você procurará culpados.

Não adianta procuramos culpados, quando a natureza reclama, todos nós temos a nosso parcela de culpa diante de tudo que acontece ao nosso redor. Deus concedeu-nos a liberdade de conduzir nossas vidas e o mundo ao nosso modo. Mas a liberdade é um território perigoso, quando confundida a viver sem limites. O homem estabelece regras, limites e puni à quem o desobedece, mas trata com desprezo as leis da natureza e os limites do corpo. Quando a natureza responde, entendam, não é culpa dos governantes, não é culpa de Deus, e não é castigo, a culpa é nossa.

O nosso livre arbítrio, que considero um interessante dispositivo de nossa fé, é a nossa democracia divina, permite-nos que o mundo e nossas vidas sejam administradas a nossa vontade, direcionando toda responsabilidade sobre os efeitos,a nós, livrando Deus de qualquer culpa, pois leis são fixadas e os homens teimam a desobedecer. Mas o nosso Deus é misericordioso, opera milagres em meio ao caos causado pelo homem.

Que sejamos mais humanos nas nossas escolhas, que a preservação da vida, e qualquer forma de vida, seja a nossa prioridade.










Elvis Dany

Funcionário Público

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.